HOME/NEWS        PORTFOLIO        PORTRAITS        AYUMI&VÍTOR  

terça-feira, janeiro 16, 2007

Gil Scott-Heron






















2007!Ano Novo! Vida Nova!
Todo início de ano novas metas são traçadas, novos objetivos com a promessa de pelo menos tentar realizá-los. Uma das promessas que fiz para este novo ano é ler mais! Diminuir a quantidade de livros "não-lidos" do enorme monte que se formou durante os últimos anos sem tempo pra leitura.
"Deuses Americanos" de Neil Gaiman, a série em quadrinhos "I602", "Buda" de Osamu Tezuka, "Heavier Than Heaven" ;a biografia de Kurt Cobain, são alguns deles.
Começarei com o livro "Abutre" do cantor, poeta, ficcionista, pianista e compositor norte-americano Gill Scott-Heron. Lançado originalmente em 1970, foi seu primeiro romance.
Uma curiosidade: meses depois de lançar o livro, acompanhado por percurssionistas, Scott-Heron gravou alguns de seus poemas no disco " A New Black Poet: Small Talk at 125th & Lenox". Neste álbum estão os fundamentos do que mais tarde seria conhecido como rhythm and poetry, o rap.
Grafite, aquarela, pastel seco e lápis de cor.

Neste livro, a visão aguda do Gil apenas saído da adolecência. Narrado alternadamente por vários personagens, Gil - e a sua geração dilacerada -está em todos eles. Spade ( seu nome hammetiano ) é o durão da área, que acaba compactuando por comodismo com os negócios do tráfico. Seu contraponto é o adolescente Junior Jones, no fundo um medroso e tímido que se faz de valente. Outro eixo é dado pelo irmão Tommy Hall, o Afro, militante de uma organização negra assombrado pela iminência da ação armada, e pelo "I.Q", aliás Ivan Quinn, intelectual brilhante e aventureiro sexual que esconde sua perplexidade atrás de citações filosóficas em cascatas.

Estou curtindo...Minha filha completou 1 ano! Mudanças, descobertas e muito aprendizado pra todos nós. Como um "serzinho" tão pequeno e frágil, pode te fazer sentir tanto orgulho e alegria ao pronunciar uma única sílaba qualquer?